26/05/2022
29ºC Maceió, AL Tempo nublado
(82) 99699-6308

Notícias

01/01/2022 09:33
Alagoas
Google divulga as buscas que os alagoanos mais fizeram ao longo de 2021; veja quais são
Reality da Rede Globo encabeçou o ranking de assuntos mais buscados pelos alagoanos, segundo o buscador

Big Brother Brasil 21, Cabeça Branca, Pfizer, erupção vulcânica. Em 2021, os alagoanos demonstraram interesse por uma série de assuntos que dominaram a mídia e as redes sociais ao longo do ano.

De acordo com dados compilados, o "Big Brother Brasil" — edição 2021 — encabeçou o ranking de assuntos mais buscados pelos alagoanos, seguido de "2021", "2022", "Jogos Olímpicos" e "Bet365" — empresa de apostas online com sede no Reino Unido.

Por categoria, "Cabeça Branca" — apelido do narcotraficante Luiz Carlos da Rocha, que fugiu por mais de 30 anos da polícia e criou um patrimônio bilionário — encabeça a lista de "Animais de Estimação e Animais", seguido de "Basquetebol da Sociedade Esportiva Palmeiras, "Caninana" e "Pfizer".

Já na categoria "Ciência", o termo "Erupção vulcânica" aparece em primeiro lugar, seguido de "2021", "Número racional", "Universo" e "Expressão matemática". Quando o assunto é esporte, o alagoano se interessou, pela ordem, por "Copa América Centenário", "Quadro de medalhas dos Jogos Olímpicos de Verão 2012", "Copa do Brasil", "Copa do Nordeste de 2021" e "Club Atlético Vélez Sarsfield".

Em nível nacional, segundo o Google, a cantora Marília Mendonça, morta em novembro em um acidente de avião, foi o termo que mais gerou interesse do brasileiro em 2021, seguido por Eurocopa, Palmeiras, Libertadores e Brasileirão.


Em nota, o Google explica que as pesquisas mostram as principais tendências de buscas com base nos termos de pesquisa que tiveram o maior aumento de interesse neste ano em comparação com o ano anterior. "Por isso, não é correto afirmar que os termos da lista foram os mais pesquisados do ano", ressalta. "Essa lista representa os assuntos e termos que mais cresceram no Google, que despertaram o interesse ou que estiveram em alta em 2021", explica.

 

 

Fonte: Gazetaweb.com

 

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Alagoas