19/09/2020
26ºC Maceio, AL Parcialmente nublado
(82) 99699-6308

Notícias

03/08/2020 21:03
Saúde
Casos de coronavírus aumentam após a flexibilização do comércio em Palmeira
/ Assessoria

A Prefeitura de Palmeira dos Índios, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), alerta à população sobre o aumento no número dos casos de Covid-19, o novo coronavírus. Desde o dia 29 de julho, data em que Palmeira entrou na fase laranja da pandemia, com a flexibilização do comércio local, os números de infectados pelo vírus aumentaram. Nesta segunda-feira (3), dos 65 testes realizados no Centro de Testagem e Triagem (CTT) do município 43 tiveram resultado positivo, e aponta que os palmeirenses podem ter deixado de seguir as determinações sanitárias para conter o avanço da doença no município.

 

 

De acordo com a enfermeira e coordenadora do CTT Lizânia Melo, os resultados dos testes realizados no Centro, nesta segunda, provocaram espanto às equipes de Saúde que trabalham no local. "Os números de Palmeira estão aumentando e isso se deve ao fato de ter havido uma flexibilização do comércio, com o novo Decreto. As lojas começaram a abrir e o aumento de casos é um reflexo do descuido da população, que esqueceu que é preciso continuar com os cuidados. A doença é altamente contagiosa e os estabelecimentos comerciais precisam ter controle com relação às pessoas que entram nas lojas e os dispensadores de álcool precisam estar visíveis e acessíveis aos clientes. Não podemos nos descuidar neste momento", explicou Lizânia.

 

Para o secretário municipal de Saúde Diorgenes Costa, as medidas de higiene são importantes para evitar a contaminação pelo vírus. "Não podemos ser negligentes neste momento e que o comércio local atingiu a fase laranja. Se os números aumentarem, teremos que voltar para a fase vermelha, com todas as restrições que estávamos há pouco tempo. Em menos de uma semana da reabertura do comércio, já percebemos o aumento de pessoas infectadas pelo coronavírus. Pedimos que a população seja consciente, use máscaras, álcool em gel ou álcool 70% e que os comerciantes também faças a sua parte. A economia é importante, mas a nossa preocupação é salvar vidas", disse o secretário.

 

O prefeito Júlio Cezar destacou que o momento não é de retroceder. "Os casos aumentaram, mas o momento é de cuidado e não podemos retroceder. É preciso cautela, usar máscaras e higienizar as mãos. Os números aumentaram, mas já era esperado, pois as pessoas tendem a se descuidar um pouco com a flexibilização. Mas temos que avançar, seguir as orientações sanitárias para que possamos, em breve, seguir para outra fase, mas sempre com as devidas medidas para proteger nossa população", finalizou o prefeito Júlio.

 

Fonte: Assessoria

 

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Saúde