14/12/2018
26ºC Maceio, Ensolarado com muitas nuvens
(82) 99620-8008

Notícias

24/05/2018 08:46
Turismo
Turismo em Alagoas pode ganhar força com alta do dólar
Em destaque, vendas para o Destino Alagoas podem aumentar 15% neste período
/ Ascom

As viagens ao exterior devem se tornar mais caras com a disparada do dólar. Com isso, o turismo interno brasileiro pode ganhar força, beneficiando diretamente o Destino Alagoas, reconhecido nacionalmente como um dos mais procurados do país.

 

O dólar turismo chegou a R$ 3,95, com alta de 1,02%, na última sexta-feira (18). Enquanto o dólar comercial, usado no comércio exterior, fechou o dia cotado a R$ 3,74, com um aumento de 1,04% em relação ao dia anterior. A alta acumulada da semana chegou a 3,85%.

 

Com o dólar mais caro, o Destino Alagoas acaba se tornando mais barato que seus concorrentes internacionais como países do Caribe e Europa. É o que afirma o superintendente de turismo da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), Paulo Kugelmas.

 

“Comercialmente a alta do dólar será uma vantagem para Alagoas, que tem se destacado como um dos principais destinos do país. Esperamos uma alta nas vendas do destino de cerca de 15%, tendo em vista que nossos principais concorrentes internacionais terão sua operação encarecida”, explica o superintendente Paulo Kugelmas.

 

Promoção do Destino

 

O secretário Rafael Brito, explica que as ações de divulgação e promoção do Destino Alagoas seguem acontecendo dentro e fora do país.

 

“Nesta semana iremos participar de mais uma feira de turismo, a BNT Mercosul, que será realizada em Santa Catarina e contará com um stand do Destino Alagoas. Esta é a quinta feira do ano, onde iremos capacitar agentes de viagens para que vendam nosso Destino em agências de viagens de todo o país. Um dos argumentos para venda, além das nossas belezas e infraestrutura turística, será o custo benefício já reconhecido com um dos melhores do país, com o dólar alto isso ganha ainda mais força. Todo este trabalho será essencial para vencer a sazonalidade do setor e para geração de renda e oportunidades de trabalho na cadeia produtiva do turismo”, ressalta o secretário Rafael Brito.

 

 

 

Fonte: Agência Alagoas

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Turismo